domingo, 3 de maio de 2020

EM ALGUM LUGAR DO PARAISO - Luís Fernando Verissimo

Sou fã do Luís Fernando Veríssimo, todos os livros que li dele me deram momentos de muitas reflexões e de muitas gargalhadas. 
Gargalhadas de alegria e despreocupações. 
Quando terminava de ler os livros que já li dele, acabava leve e feliz. 
Esse foi um pouco diferente! 

Veríssimo me levou a algo inusitado neste livro!

Ao longo da minha carreira falo, defendo, discuto sobre liberdade. 
E Veríssimo com este livro foi me provando e me levando que era necessário esvaziar todas as minhas afirmações sobre esse tema. 
Provocando em mim, algumas posições e me fazendo rever, pensar e repensar sobre Liberdade, e o que eu já havia pré determinado para mim
Então resumindo!!! 
Quando mais nada poderia ser extraordinário na escrita de Veríssimo, ele vem e me arrebenta no meio e detona todas as minhas certeza e me faz refazer todas as minhas certezas e incertezas de novo! 
E eu como fico? 
Extasiada por cada palavra lida e por cada pensamento jogado no lixo, refeito, repensado e formado novamente.

Gratidão LFV por mais um belíssimo livro!


terça-feira, 14 de abril de 2020

O DOM DOS DISCERNIMENTO DOS ESPÍRITOS - Márcio Mendes

O Dom do Discernimento dos Espíritos fala exclusivamente de um dos 7 Dons do Espírito Santo. 

Os espíritos? Sim os espíritos! 
Deus e o demônio! 

Discernir parece óbvio, parece fácil, em termos é até fácil, mas por vezes se confunde com a real intenção do que é cada um! 

Ora?! Como assim coisas tão antagônicas podem ser confundidas? 
Sim! Podem! Foi isso que entendi e aprendi com este livro! 

Peculiar, instigante, por vezes confuso, mas talvez esse seja o grande desafio de discernir e entender o Dom do Discernimento.

" É também pelo discernimento dos espíritos que chegamos a diferenciar a paz e a alegria oferecidas pelo Senhor da alegria e a falsa e vazia oferecida por Satanás." Marcio Mendes pag 145

sexta-feira, 3 de abril de 2020

O AMOR VEM DAS ESTRELAS - Anderson Fabiano



Esse livro é um terremoto!
Aqueles terremotos que vem e arrasam tudo que o tem pela frente, levantando poeira, aniquilando todas as fundações e estremecendo as bandeiras.
E pior, quando passa, fica aquele ar de suspense, medo, solidão e uma pitada de desespero.

Ahhhhhh meu Deus! Esse livro é genial!

Há um ano e meio ganhei esse livro do Anderson Fabiano, um carioca que arrebatou meu coração, um ser humano capaz de encantar e enlouquecer seus amigos e seus leitores.

Comecei a ler o livro há muitos meses atras e já nas primeiras páginas, percebi que algo em mim iria mudar. Visto e sentido isso, deixei o livro de lado, mas como termino tudo o que começo, há poucos dias retomei a leitura.
Não foram surpresa os sentimentos, emoções e perturbações sentidas, lidas no livro do Fabiano, ele é assim mesmo!
Um livro que trata sem meias palavras, sem medos, e com uma pitada de " foda-se, vou escrever e pronto!"
Anderson Fabiano é assim!
Poderia citar inúmeras passagens do livro para incentivar a leitura, mas escolhi uma da pág. 190:

"A única verdade é a nossa! O mundo é o que acreditamos que ele seja. É o nosso pensamento que cria o mundo em que vivemos. Por isso, quanto mais amorosos formos, melhor será o nosso mundo." 

O Amor vem das Estrelas fala do que não queríamos ler, do que talvez não gostaríamos de entender, do que alguns já sabem, outros nem imaginam, e tantos outros tentam entender.

Ahhhhh Anderson Fabiano, que sorte a minha ter teu livro nas mãos e ser tua amiga!

quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

DANÇANDO NO AR - Nora Roberts

                                                            
Dançando no Ar é um romance fascinante! 
Os que acompanham meu blog sabem que não curto muito romances melodramáticos e melados. 
Mas Nora Roberts tem uma forma de romancear e fantasiar as coisas de uma forma que amarra o leitor. 
Esta trilogia é um clássico, nos faz viajar para dentro do livro, sonhar, cantar, imaginar, torcer pelo amor, e até pelo príncipe! 
Saímos completamente do mundo real e embarcamos para uma aventura sempre apimentada e cheia de detalhes, onde nos sentimos confortáveis e dentro da história! 
Nora Roberts como sempre brilhante na forma de escrever e na forma de como ela nos prende na leitura.

terça-feira, 14 de janeiro de 2020

AUTO-ENGANO - Eduardo Giannetti

Auto-engano é um livro forte, com concepções que mexem profundamente no nosso interior.
Vivemos, sobrevivemos e sofremos com os enganos e os auto-enganos.
O que nos faz ser o que somos é uma busca constante de determinar nossas escolhas e se essas escolhas nos farão felizes e é nesta busca desenfreada pela tal felicidade que nos enganamos, nos ocultamos de nós mesmos!
É real que as vezes é mais fácil nos enganarmos por alguns momentos.
É fato também que muitos de nós, passa a vida inteira se enganando.
Este livro, incomoda, tira da zona de conforto, tira o sono, nos faz pensar, nos faz lutar, nos faz nos enxergar, nos faz sofrer e pensar.
Nos faz essencialmente crescer!
Eduardo Giannetti é brilhante, termino essa resenha com um dos questionamentos mais fortes que li neste livro:
 " O que aconteceria se o auto-engano fosse inteiramente banido da existência e da convivência humana? Como seria viver num mundo em que a verdade objetiva prevalecesse sempre? Um mundo em que ninguém jamais enganasse a sim mesmo ou sobre si mesmo? "
Como seria? Como seria?

quinta-feira, 2 de janeiro de 2020

AS 13 LIÇÕES DE NIJA - Fernando Machado

As 13 lições de Nija
Fernando Machado

As 13 lições de Nija fala da essência do ser humano, traduz de forma surpreendente desejos e emoções sob uma ótica pouco pensada pela maioria.

Não se trata somente de algo sobrenatural ou até fictício mas, através desse sobrenatural e fictício, fala de coisas extremamente reais, como o amor, a moral e a ética.

Os veganos e naturais se identificam muito com as lições, e os espíritas também.

Mas o que me chamou atenção é a forma brilhante que o autor fala do desenvolvimento humano sobre uma ótica completamente fora do comum do que estamos acostumados a ler, ver e entender.

No fundo todas as formas de melhorar o nível de consciência e desenvolvimento humano são o caminho para evolução do ser.

Esse livro é uma grande possibilidade de abrir a caixinha do nosso interior.

quinta-feira, 31 de outubro de 2019

POE MI NIMOS- André Soltau






















Poetas são seres humanos dotados de uma sensibilidade que a maioria dos outros seres por vezes não entende.  
A beleza da poesia, a forma como as palavras são jogadas e juntadas em uma frase emana sempre sentimentos, dor, prazer, lutas e tudo o que a alma de um poeta deseja ou sente. 

Poe  nimos é leve de ler, é profundo de sentir e intenso no pensar.  

“Há um rito perdido  
Em poemas vadios,  
Alimenta-se de rimas sórdidas 
Em clichês sem sentimentos...” 

“Letras doentes 
Estou cheio  
De espaços vazios 
Por natureza.  
Gavetas ocupam-se de pós; 
Estantes enfileiram silêncios. 
Falo pouco ultimamente. 
E nem escuto mais os sons. 
Os panos de minha casa 
Brincam de voar em varais.  
Estou começando a achar  
Que os dias ficam  
Mais longos 
Tem ecos  
E retornam  
Palavras sem cor.  
Continuo 
Virando a face  
Para gritos obtusos 
E poemas  
Já doentes. “ 
André Soltau 

quarta-feira, 24 de julho de 2019

AMOR VERÍSSIMO - Luiz Fernando Veríssimo

Amor de Veríssimo

Luís Fernando Veríssimo, ama falar do amor, tem um clichê com o amor, mas ele fala e, especialmente nestas crônicas sobre a parte cômica do amor, tem a parte trágica, mas o cômico do amor é muito evidente. Não tem como não rir, não tem como não lembrar de uma fase ou acontecimento pessoal lendo algumas dessas crônicas, não tem como não lembrar de alguém que vive ou viveu daquela forma como ele descreve, não tem como não imaginar algo exatamente como ele narra nas crônicas.  Veríssimo sempre brilhante na forma leve de escrever, na forma extraordinária de expressar a vida cotidiana como algo engraçado. E fazer isso com o amor foi algo realmente delicioso de ler.  

terça-feira, 18 de junho de 2019

RELATOS - BRita BRazil


Relatos 
 

Há alguns dias recebi esse livro para ler da BRita BRazil, pois iremos fazer uma roda de conversa com ela em alguns dias. E para poder participar melhor desse evento, li seu livro!  

Eu, particularmente, não sabia a fundo o que esse Chá Ayahuasca era especificamente. Esse livro nasceu do desespero de uma mãe que perdeu seu filho para este Chá, na época e até hoje muito falado e comentado nas redes sociais e em alguns programas de televisão.  

O fato é que este livro traz relatos reais sobre uma visão negativa do Chá Ayahuasca, os quais não são divulgados e nem falados abertamente nos meios de comunicação e nas redes socias.  
Independente do cunho de religiosidade que tentam relacionar ao uso do chá, é fato e claro que o Chá é um alucinógeno do qual não se tem apoio científico para o seu uso, da forma como está sendo feito.  

É bom que se deixe claro que este chá é um chá indígena, e como tal, deve ser ingerido com alguns cuidados, como diz um próprio Líder Internacional Indígena Ancião, da tribo Kayapó (Xingú) - Cacique e Pajé: “Esse chá é muito perigoso. Nós só tomamos como parte da formação de pajé. Para isso, é preciso uma grande preparação de 10 dias. Sexo, até mentalmente não pode, por mais de 30 dias. A preparação é grande. Esse chá é muito perigoso.”  

Psicanalistas, terapeutas, advogados, psiquiatras, psicólogos, delegados de polícia, atores, líderes indígenas, ativistas indígenas, e mais uma série de profissionais condenam o uso deste chá. E isso não é à toa... relatos mostram a degradação humana após o uso deste chá... vidas, famílias sendo ceifadas em vida ou em morte!  
Jovens, mulheres, homens, crianças, e até bebês ingerem Ayahuasca como mecanismo de abertura de consciência espiritual, como forma de crescimento, de alto conhecimento. É vendido desta forma, é divulgado desta forma. Mas o que se vê através dos relatos do livro da BRita é exatamente oposto disso!  
Pessoas que têm família, diploma, um sentido para estarem vivas, e que depois do uso único ou contínuo do chá, abandonam na prática seus corpos e mentes.  

O livro contém os principais sintomas, e como eu me sinto no direito de expor e alertar sobre esses efeitos, compartilho esses sintomas. Não seria de minha parte me abster destas informações já que as tenho em minha consciência a partir de agora. 
 

Extraído livro Relatos, de BRita BRazil, página 133: 
“Sintomas das Alterações Mentais dos efeitos colaterias do Ayahuasca:  
1- Introspeção  
2- Dificuldade de comunicação  
3- Isolamento  
4- Perda de humor  
5- Param de rir ou de sorrir 
6- Perda da identidade  
7- Abandono das atividades cotidianas 
8- Repetição de palavras, frases e gestos 
9- Incapacidade de trabalho ou estudo  
10- Desespero e agonia 
11- Ouvem, na cabeça, vozes perdidas 
12- Afastamento das redes sociais  
13- Dependência para decisões  
14- Fazem movimentos lentos  
15- Não reagem com rapidez 
16- Ficam robotizadas  
17- Perda de sentimentos por animais domésticos  
18- Perda de sentimentos como amor, raiva e medo  
19- Perda da libido  
20- Adquirem novos gestuais e manias  
21- Mudança na forma de caminhar  
22- Mudança de postura  
23- Profunda tristeza  
24- Perda da vontade, de desejos e reflexos  
25- Perda da noção de perigo  
26- Total desorientação e perda de consciência  
27- Perda da higiene, ou esquecem que tomaram banho e tomam outra vez, pouco tempo depois.  
28- Mania de perseguição  
29- Diversos tipos de delírios espirituais  
30- Passam a ser missionários, a se achar Deus, Jesus ou um enviado especial.  
31- Tem que largar tudo para seguir sua missão  
32- Desespero com a ideia obsessiva de que algo, que não sabem vai acontecer   
33- Desistência da vida." 

Relatos da BRita BRazil, é triste, incomoda, angústia, mas traz clareza acerca de um problema real na nossa sociedade, o qual não está sendo tratado da forma como deveria pelas leis, governantes, cientistas, de modo a não estar valorizando a vida humana.  

Esse livro não é só um relato de uma mãe com dor que perdeu seu filho. Esse livro é um alerta, é uma vontade de gritar, de ser ouvida, de ser acalmada, não só da BRita, mas de todas as famílias que hoje estão passando por isso. É um grito que soa e ressoa no fundo das pessoas que estão usando esse chá, e que já tiveram suas vidas devastadas, é uma dor para todos que morreram pelo uso.  

Mas o que mais me chamou a atenção neste livro, e que é só por isso que essas pessoas chegam a este chá, é o desespero que nossa sociedade está em buscar resposta para as angústias do dia a dia, é de buscar alento em uma espiritualidade na qual não temos tanta consciência, é uma busca para preencher um buraco que assona o coração, a mente dos seres humanos.  

Não dá pra dizer que só drogados buscam o Ayahuasca, mas o que entendi é que o Chá é uma droga disfarçada de Santo Daime. Pais, mães, professores, jovens, e todas as pessoas deveriam ler esse livro e entender a dor por detrás destes relatos!  

Aqui deixo meu pesar para BRita BRazil, pela perda do seu filho, e para todas as mães e familares que perderam seus entes queridos.  

Deixo também minhas orações para todos os que estão envolvidos com esta droga e também para todos que de alguma forma estão procurando ajuda e tentando se levantar do caixão vivo que se estabeleceu na sua vida em vida!